Logon
Skip Navigation LinksPré vestibular Curso Positivo > Imprensa > Entender os enunciados é o trunfo para se dar bem no ENEM

Página de Notícias

 Entender os enunciados é o trunfo para se dar bem no ENEM

Dez horas de prova em dois dias está longe de ser pouca coisa. Por isso, na maratona do Enem, cada detalhe pode fazer toda a diferença para um bom resultado. O principal na hora da prova, de acordo com especialistas, é redobrar a atenção ao ler os enunciados dos exercícios.
– Os elementos do enunciado sempre estarão relacionados à resolução da questão. Seja uma charge, um mapa, o que for: tudo tem que ser levado em consideração – afirma Renato Pellizzari, coordenador de vestibular do Colégio Qi.
Isso porque, como ele explica, o objetivo do Enem é conhecer a pessoa que faz a prova e avaliar suas habilidades tanto nos estudos quanto em vivência. Mais de uma matéria pode compor uma questão, que ganha contextualização com os acontecimentos retratados nesses elementos auxiliares.
Identificar de cara o que é pedido
Uma das dificuldades relatadas pelos alunos a Pellizzari é a administração do tempo no Enem. Como é uma prova extensa, fica difícil ler e reler cada questão.
– O ideal é fazer uma leitura tranquila para identificar já de cara o que exatamente está sendo pedido e não precisar ficar voltando no enunciado. Muitas vezes, mais de uma alternativa está correta, mas só uma contempla o problema abordado.
Wellington Borges Costa, o Wella, professor de Língua Portuguesa do Curso Positivo, aponta um elemento-chave que pode ajudar a decifrar as questões:
– Tem que estar atento aos verbos no imperativo: compare, diferencie, cite, analise. Eles são a pista para o que tem que ser encontrado na resposta.
Para a redação, Wella recomenda que o candidato seja sensato e fuja de polêmicas.
– A redação do Enem é muito diferente da dissertação tradicional. Nela não se busca o “sim ou não”, mas o “como”. O candidato tem que argumentar para mostrar que entende a seriedade do assunto e apresentar uma proposta para resolver ou amenizar o problema.
Mais dicas para a leitura da prova
Confira, a seguir, mais cinco dicas de Pellizzari e de Wella para a leitura dos enunciados ajudar no seu desempenho no Enem.
. Leia e analise com calma cada enunciado. É melhor demorar um pouco mais e fazer só uma leitura do que precisar fazer uma ou duas releituras atrás de elementos perdidos pela leitura distraída;
. Sublinhe nos textos e marque com círculos nas imagens o que parecer mais relevante e interligado no enunciado;
. Destaque os verbos no imperativo, que geralmente indicam o que a questão pede;
. Saiba identificar as diferentes linguagens das imagens (corporal, se for a foto de uma pessoa, por exemplo). Às vezes, a resposta está ali, e não na questão textual em si;
. Se a compreensão do enunciado estiver difícil, marque a questão com uma seta e a pule. No final da prova, volte a ela. Pode ser que os outros exercícios até a tenham deixado mais fácil de resolver.

Fonte: O Globo